23 de mai de 2016

INDICAÇÃO DE FILME

O JARDINEIRO FIEL


Este drama lançado em 2005, talvez seja o filme de interpretação mais gostosa que já assisti. Sabe aqueles filmes que te deixa pasmo, refletindo? Esse é O filme.
A maior reflexão retirada desse filme é que devemos pensar no bem estar coletivo, devemos agir com ética acima dos interesses particulares. As ações do governo tem que ser em prol da população e não de corporações. Temos que usar nosso senso crítico, analisar e pensar antes de aceitar o que se vê, refletir muito antes de tomar uma decisão.
O filme conta a história de um diplomata britânico e jardineiro que conhece uma ativista, defensora de causas humanitárias, se apaixonam, casam e vão para a África.
Um filme cheio de conflitos éticos, como por exemplo, o teste de medicamentos em pessoas de comunidades pobres,negras e sem conhecimento algum sobre o que ocorre. A história do filme deixa bem claro que o poder está acima de tudo, é praticamente impossível lutar contra corporações sem ética, sem coração. Vale a pena se aventurar nessa história tão realista dirigida pelo brasileiro Fernando Meirelles e refletir um pouco sobre o assunto.
Peguem a pipoca e bom filme!!!


 Sibely Martello Vilches
 

14 de mar de 2016

INDICAÇÃO DE FILME: AS SUFRAGISTAS

"A mulher segue em frente a procura da terra da liberdade. Como posso chegar lá?
A razão responde:
- Existe só uma maneira e apenas um caminho. Abaixo a marginalidade do trabalho. Pelas águas do sofrimento. Não há nenhum outro.
A mulher, descartou tudo em que ela se agarrou e gritou. Como faço pra ir a essa terra distante, que ninguém jamais alcançou? Estou sozinha. Estou completamente sozinha.
E a razão lhe disse:
- Silêncio. O que você ouve?
E ela disse:
_ Ouço o ruído dos pés. Mil vezes. Dezenas de milhares, e milhares e milhares, batendo desse jeito.
- Estes são os pés dos que vão te seguir. Para conduzir."
Imagens do velório de Emily Wilding Davison no dia 14 de junho de 1913 - http://www.theguardian.com/world/2013/jun/09/plaques-for-women-far-from-equality

Você sabe o que foi o movimento sufragista?
Foi um movimento social, político e econômico de reforma, com o objetivo de estender o sufrágio às mulheres.
Muitas mulheres sofreram e choraram lágrimas de sangue para que hoje nós mulheres possamos desfrutar do direito de igualdade. Possamos ser ouvidas e respeitadas. A história de conquista feminina é manchada de sofrimento, perdas e sangue. Mas, com certeza vencemos e fizemos valer a pena cada lágrima derramada por aquelas que não puderam desfrutar daquilo que tanto sonhavam: o respeito e a igualdade.
Vale a pena assistir o filme "AS SUFRAGISTAS" que foi inspirado no movimento sufragista do século XIX e início do XX, na Inglaterra.
O filme retrata a história de um grupo de mulheres que eram maltratadas e ridicularizadas pelos homens e resistiam a essa opressão de forma passiva. Mas a partir do momento que começam a encarar uma crescente opressão da polícia elas resolvem se rebelar e dar a vida por seus direitos de igualdade e respeito.
Super indico o filme. Amei.
 

8 de mar de 2016

8 DE MARÇO - DIA DAS MULHERES

PARABÉNS A TODAS AS MULHERES!!!



Como definir uma mulher?
É preciso ser sensível, ter olhos de artista e conceitos de filósofo, senão, corre o risco de errar.
Para ela, gerar a vida é natural, vamos começar por aí, tão importante é a mulher.
Outrora sem valor, objeto de uso, fábrica de filhos, objeto descartável, sem voz, mas nunca sem atitude e sabedoria.
Devagarzinho conquistou o seu espaço no mundo, provou o quanto é necessária e importante. Tirou as cordas das mãos e colocou a coroa na cabeça.
Mulher é feita de amor, carinho e atenção, mulher tem dez sentidos, mulheres são as cores do mundo.
Rainha da alegria, do saber, da solução. Colo de mulher tem carinho, amor e proteção.
Quem sou eu pra descrever uma mulher? Não sei quais palavras usar, corro o risco de errar.
Só sei que cada mulher carrega consigo a mania de sorrir quando se quer chorar, a fé na vida e um pedacinho de Deus.


Sibely Martello Vilches

11 de fev de 2016

INDICAÇÃO DE FILME: "O QUARTO DE JACK"

FILHOS QUE NASCEM EM CATIVEIROS



Alguém já parou pra pensar como é o mundo, os pensamentos de uma criança que nasce em um cativeiro? Eu sempre leio histórias de sequestros longos que aconteceram, mulheres, adolescentes que foram sequestradas, mantidas muitos anos em cativeiros onde são estupradas e ficam grávidas.
A história mais absurda e inaceitável que eu conheço é da garota Elizabeth Fritz que foi sequestrada aos 18 anos pelo próprio pai, na Áustria, e mantida em cativeiro por um longo tempo onde ficou grávida 6 vezes.
Quando eu assisti esse filme eu fiquei chocada, pois eu nunca tinha pensado nisso. O filme é baseado no livro "O quarto de Jack" da escritora Emma Donoghue que conta a história do garotinho Jack que vive em um minúsculo quarto junto com sua mãe, onde brinca, come, dorme e aprende as coisas com ela. O quarto é o mundo todo de jack, onde ele se sente seguro e protegido e ao mesmo tempo, o quarto é a prisão onde sua mãe tem sido mantida após ter sido sequestrada.
É um filme impressionante, com um olhar todo especial sobre esse terrível tema. Eu me emocionei praticamente o filme todo. Gostei muito e me fez pensar bastante.
Indico o filme para todos, mesmo pra que tenham o conhecimento sobre o assunto. Dá pra sentir o drama na pele, é de se arrepiar, principalmente quem é mamãe.


Sibely Martello Vilches

8 de fev de 2016

BONNIE E CLYDE - UMA VIDA DE CRIMES

BONNIE E CLYDE

Bonnie e Clyde conheceram-se no Texas em janeiro de 1930. Na época, Clyde, com 21 anos, era solteiro e Bonnie, com 19 anos, era casada com um assassino que se encontrava na prisão.

Clyde Champion Barrow era suspeito de vários assassinatos e era procurado por diversas acusações de homicídio, roubo e sequestro.

O casal tinha uma sintonia maluca e uma atração fixa pelo mundo do crime. Conseguiam sair impunes de seus crimes e durante muito tempo deram trabalho para a polícia e para o FBI. Foram capa de jornal, ficaram famosos pelos seus atos inconsequentes.

Depois de muitas buscas e tentativas frustradas de deter o casal, a polícia ficou sabendo que Bonnie e Clyde tinham participado de uma festa no Black Lake, Louisiana, na noite de 21 de maio de 1934 e que deviam retornar para a mesma área dois dias depois.

Antes do amanhecer em 23 de maio de 1934, um pelotão composto por policiais de Louisiana e Texas, incluindo Frank Hamer do Texas Rangers se esconderam em arbustos ao longo da estrada perto de Sailes, Louisiana. Bonnie e Clyde apareceram em um automóvel, à luz da manhã, e, quando tentaram fugir, os policiais abriram fogo e eles foram mortos instantaneamente.



O carro em que Bonnie e Clyde estavam ao serem mortos se encontra no Museu Nacional do Crime e do Castigo em Washington, assim como outros pertences do casal, recuperados pela polícia.



Em 1967 foi lançado o filme "Bonnie e Clyde - uma rajada de balas" que conta a história do casal apaixonados pelo mundo do crime. Foi considerado um dos mais importantes filmes da época.

Em 2014 foi lançado uma minissérie com duração de 4 horas de exibição, dividida em duas partes: "Bonnie e Clyde - uma vida de crime" que também conta a história do casal e de seus crimes.

Eu assisti a minissérie, gostei muito e indico pra vocês.

Bom eu sou um pouco suspeita pois eu gosto muito de acompanhar filmes que relatam histórias reais, como eu já disse, mas a minissérie é muito bem feita. Bora conferir?


Sibely Martello Vilches